Informatização do recrutamento acaba de ganhar mais um aliado. Está preparado para o Chatbot?

Informatização do recrutamento acaba de ganhar mais um aliado. Está preparado para o Chatbot?

MemberImage
18.jan.2018
Samir Amad

Não há como negar que o mundo do recrutamento de talentos foi fortemente impactado e aumentado pelo uso de tecnologias. Porém, entre outros desafios, quem a usa sabe que o volume de candidatos gerados é enorme e que o desafio é fazer todos serem incluídos em todas as etapas dos processos. Em outras palavras, os candidatos precisam ser “envolvidos”.

Há softwares de gerenciamento de candidatos que podem ajudar as empresas a engajar candidatos, mas existem apenas alguns produtos disponíveis tais como ATS (aplicant tracking system) e ferramentas de CRM (candidate relationship management), que embora organizem os processos, podem não ser ideais para a função de “envolvimento”.

Inteligência Artificial (IA)

Embora o uso seja recente, já vemos movimentos para os novos usos da aprendizagem por máquinas para envolver os candidatos nas ofertas de emprego. Um bom exemplo é o aprendizado de máquina que pode ser usado no software de gerenciamento de relacionamento de candidatos (ATS/CRM) para monitorar redes sociais e Job boards para saber o conteúdo que envolve visitantes e servir mais para mantê-los comprometidos.

A inteligência artificial (IA) veio para ficar e ajudar não apenas para se relacionar com os talentos e separar quem é quem, mas principalmente para saber quais candidatos estão disponíveis e interessados na sua oferta.

Usando um Chatbot

O chatbot é um programa de computador que pode simular conversas humanas e que pode ser alimentado por inteligência artificial (IA). O chatbot funciona com candidatos tanto no contato telefônico, quanto SMS e visa automatizar o alcance, triagem e comunicação e nas interfaces com o ATS/CRM da empresa.

Para exemplificar, sistemas semelhante a chatbots, são os assistentes baseados em voz, como o Alexa ou Siri, porém com maior capacidade tecnológica incluindo o aumento do uso de aplicativos móveis que permitem aos candidatos enviar CVs e documentos, responder pesquisas e encontrar informações de contato. E eles evoluirão para fornecer ainda mais funcionalidades.

E a interação humana?

Até que as pessoas se acostumem com a robótica e automação, assim como se acostumaram com outros sistemas, como os utilizados pelos bancos e as operadoras de TV a cabo e telefonia, o elemento humano será necessário. Mas a tecnologia avança a passos rápidos e o Chatbot (também conhecido como talkbot, chatterbot, Bot, IM bot, Agente Interativo ou Entidade de Conversação Artificial) está se aprimorando cada vez mais para simular de forma convincente como um ser humano se comportaria como um parceiro conversacional.

Você está preparado para este futuro?