Lições para a vida profissional que aprendi correndo maratonas

Lições para a vida profissional que aprendi correndo maratonas

MemberImage
20.abr.2018
Samir Amad

Tenho mais de 50 anos e corro maratonas e ultramaratonas há mais de 10 anos. Sempre que falo isso, recebo alguns olhares malucos e a inevitável pergunta do porque faço isso. Quando respondo que realmente aprecio isso, não pareço convencer ninguém. Muitas pessoas que não praticam esportes só podem imaginar a dor e a miséria, mas há outras razões e uma muito valiosa é perceber que posso usar em minha carreira o que aprendi correndo. Um lugar onde a força e a confiança supera a dor física e te mostra que você pode buscar novos limites. Aqui estão algumas delas:

1. Você ganha exatamente o quanto se dedica

Você não pode esperar fazer uma corrida de longa distância sem treino e prática, e quando você alcança os quilômetros que se propôs fazer, a recompensa é incrível. Não existe “sorte” quando se trata de correr uma maratona.

2. Nem toda corrida vai ser divertida e incrível, mas toda a experiência vale a pena.

Como qualquer outra coisa na vida, correr uma ultramaratona exige sacrifício. Há dias em que a motivação simplesmente não está lá ou tudo no seu corpo dói, mas todo dia - bom ou ruim - você se torna um atleta forte pronto para assumir o maior desafio de todos. Superar a si mesmo.

3. Há algumas coisas sobre as quais você literalmente não tem controle; aceite isso.

Minha primeira ultramaratona foi de 75km de chuva constante; Passei a semana me preocupando com a previsão do tempo, desejando com toda a minha força que isso mudasse. Mas quando o dia da corrida chegou e trouxe a previsão da chuva constante, tive que decidir entre reclamar e deixar que isso me afetasse ou aceitasse as condições e as dificuldades. Completei a prova em 10h e 40minutos. Fui o penúltimo, mas cheguei.

4. Às vezes, vai piorar antes de melhorar.

Haverá momentos que você não vai se sentir bem, mas nem sempre significa que será assim para o resto da corrida. Como a vida em geral, há picos e vales, e com um pouco de coragem e determinação, você pode passar por este momento e perceber que valeu insistir.

5. Você não pode se comparar com outras pessoas; você só pode se comparar com a pessoa que você foi ontem.

A corrida de longa distância é uma jornada pessoal e essa jornada é diferente para todos. Sempre haverá corredores mais rápidos ou mais aptos do que você, mas não é isso que importa. O que importa é que você está fazendo o que é certo para você - e crescendo como pessoa no processo.

6. Alguém sempre tem mais dificuldade do que você; seja grato.

Algumas das minhas maiores inspirações vêm de corredores de cadeiras de rodas e outros com deficiência que correm. Essas pessoas superam desafios que eu não tenho que enfrentar, muitas vezes para postar tempos significativamente mais rápidos do que eu. Sua força me inspira.

7. Não é sobre o destino; é sobre a jornada.

Quando cruzei a linha de chegada da minha primeira maratona, pensei que aquele momento paradoxal transformaria minha vida. Mas enquanto eu ofegava por ar e sentia a dor em meus músculos depois de correr por mais de cinco horas, percebi que ficar parado ali não era o momento decisivo; a corrida inteira foi. De fato, todos os seis meses de treinamento coletivamente me transformaram como um corredor e como uma pessoa, não apenas aquele momento instantâneo de cruzar a linha de chegada.

8. Você é muito mais forte do que pensa.

A maratona testa não apenas sua força física, mas também sua força mental. As ultramaratonas então vão te levar a repensar sua vida. E você aprende muito sobre você e seus limites no processo. Todo mundo tem uma pequena voz em sua cabeça que diz que você não pode, e o melhor sentimento é provar que a voz está errada. Brinco dizendo que a corrida começa mesmo, depois de 60km. Aí você descobre que corre com o cérebro e o coração.

9. Há uma luz no final de cada túnel.

Mesmo quando a linha de chegada parece a um milhão de km de distância. Se você continuar colocando um pé na frente do outro, chegará ao fim. O mesmo pode ser dito de qualquer momento difícil da vida: haverá um fim e você sairá vivo. E se você se dedicar, sairá vencedor.

10. Às vezes não é como você planejou, mas terminar uma maratona ou ultramaratona é uma grande conquista.

Quer você alcance ou não seus objetivos de tempo, cruzando a linha de chegada, você está alcançando algo grandioso. A maioria das pessoas não tem a dedicação de colocar o treinamento para chegar à linha de partida, muito menos a linha de chegada.

Acredite em você e se cerque de pessoas positivas. Aprendi que o sucesso na corrida ou na vida profissional é exatamente assim.